Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Do Futebol

Blog de análise ao futebol: sério, irónico, crítico, construtivo, mas também intolerante para quem não tem princípios nem entende que a vida está muito para além dum pontapé numa bola.

Do Futebol

Blog de análise ao futebol: sério, irónico, crítico, construtivo, mas também intolerante para quem não tem princípios nem entende que a vida está muito para além dum pontapé numa bola.

A VIGÉSIMA-NONA JORNADA DO CAMPEONATO

OS GRANDES

 

img_841x470$2017_04_14_21_52_45_1251592.jpg1024.jpg

 

Benfica e Sporting despacharam adversários mais ou menos acomodados na tabela classificativa, opositores ideais, sobretudo para o líder, que não quer perder pontos na recta final da prova. A salientar o facto de, em ambos os casos, os treinadores terem feito alinhar jogadores à beira da exclusão disciplinar: fair-play? Falta de substituto à altura? Surpresa delineada para a próxima jornada?

 

image.jpg

 

Braga e Porto diputaram um jogo duro, com muitas faltas, algumas para além da natural agressividade, e com um árbiro em palpos de aranha para segurar jogadores e dirigentes. O Dragão acordou tarde. Esteve encostado às cordas, levantou-se no momento em que corrigiu o já usual erro de jogar sem ala direita, e quando buscava incessantemente o golo da vitória, viu o treinador retirar do campo o seu jogador mais desequilibrador. O Braga agradeceu. 

 

OS ASSIM-ASSIM

 

1024 (1).jpg

 

Chaves e Guimarães reeditaram partidas recentes, e, apesar do bom futebol dos flavienses, de novo com vantagem vimaranense. Mas lá que a cambalhota esteve por pouco...

 

OS PEQUENOS

 

1024 (2).jpgimg_270x159$2017_04_15_16_47_43_1251900.jpg

1024 (3).jpg

 

Estoril, Arouca e Tondela venceram, e o sobressalto instala-se na luta pela manutenção. O Nacional-Moreirense de amanhã trará, certamente, mais achas para a fogueira

 

OS JOGADORES

 

1100.jpg

Bruno César

Terá sido, provavelmente o melhor jogador em campo no jogo disputado em Setúbal. Ainda assim, não se consegue desvincular dum futebol manhoso (ao jeito de Jesus, bem sei) . O homem atira-se para o chão; rebola agarrado à cara, à cabeça, à perna; faz faltas feias e, no final, cresce para os adversários e árbitro, como se de pobre vítima se tratasse. Não podes jogar simplesmente a bola?

 

24984013397a6bccac29708ff6e7a85e.jpg

Rafa

Começa a justificar os milhões que custou. Os benfiquistas esperam tudo dele em Alvalade. Há, porém, que trabalhar a finalização. Rafa tem de valer uma dúzia de golos por campeonato.

 

transferir.jpg

Pedro Santos

O capitão bracarense foi ontem tocado pela angústia. Só acontece a quem assume a responsabilidade por marcar um penalty. A tristeza era evidente, mesmo quando, no final do jogo, tentava exorcizar o sucedido ante as câmaras de televisão.

 

 

OS TREINADORES

 

braga porto6.png

 

Nuno Espírito Santo

Voltou a estar mal. As palavras flautadas, o ar de cónego na hora do culto, vão fazendo milagres. Até ver. Como acontece a quem assume um discurso supostamente definitivo, ontem passou das "vitórias em todos os jogos" ao "ainda não acabou". Veremos se a partir de Alvalade anunciará, peito feito, que "chegámos ao lugar que queríamos", ou se correrá a escudar-se no "enquanto for matematicamente possível".

Ontem teve mais dois lapsos técnicos, e em ambos é reincidente:

»» André Silva é um ponta-delança puro, tal como Soares. Nos jogos contra adversários de maior valor, fica claro que não cabem os dois na equipa. A toleima pela presença simultânea de ambos, poderá custar o campeonato ao Porto. Até porque tal opção leva a ter de deixar Corona no banco, e, para dar largura  atacante ao seu futebol, pretende fazer de Maxi aquilo que ele não é: extremo-direito.

»» "As nossas decisões são sempre muito ponderadas", assim classificou o treinador a saída de Brahimi. Como quase todos os seus colegas de profissão, Nuno escuda-se numa suposta capa majestática de competência para não admitir que errou na inqualificável substituição do argelino. Ao fazê-lo, dá azo a todo o tipo de especulações. É assim tão difícil explicar o futebol?

 

braga porto 7.png

 

Jorge Simão

Esteve correcto em aludir a alguma falta de sorte; habilidoso quanto à série de resultados do Braga sem derrota; provocador quando dividiu o grupo, nomeando um conjunto de jogadores para mandar mensagens a outrém.

 

O DERBI DAS TENTAÇÕES

dd2fc9e17cfd36b2f9a1d0a25d14b099_N.jpg

 

Rui VItória

O resultado do Porto em Braga abriu ao Benfica a gestão do empate, algo que, anteriormente, lhe estava vedado. A semana das tentações de Rui Vitória será feita com um sonho: pôr André Almeida no onze titular em detrimento de Jonas, Sálvio ou Rafa.

 

img_403x266$2017_04_15_14_44_10_618477.jpg

 

Jorge Jesus

Tem de ganhar, ponto final. Levantam-se-lhe várias tentações na lateral-esquerda: dar o braço a torcer e colocar Jefferson; fingir que apoia a formação e lançar Esgaio, a quem poderá mais tarde culpabilizar se a coisa der para o torto; avançar com Bruno César que não sabe defender. Como o seu perfil é o de arriscar em frente ao abismo, parece-me não ser descabida de todo incluir a opção de Paulo Oliveira na direita e Schelloto na esquerda.

Adrien é outro caso de difícil discernimento. Apresentou-se completamente fora de forma em Setúbal. Sem capacidade física, o futebol feito de transporte da bola do capitão sportinguista não resulta. A ser titular, poderá o Sporting começar a perder por aí a batalha do meio-campo.

E se Podence aparecer no lado esquerdo do ataque, ao lado de Dost e Gelson?

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub