Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Do Futebol

Blog de análise ao futebol: sério, irónico, crítico, construtivo, mas também intolerante para quem não tem princípios nem entende que a vida está muito para além dum pontapé numa bola.

Do Futebol

Blog de análise ao futebol: sério, irónico, crítico, construtivo, mas também intolerante para quem não tem princípios nem entende que a vida está muito para além dum pontapé numa bola.

A TRIGÉSIMA JORNADA DO CAMPEONATO

OS GRANDES

 

1024.jpg

 

Sporting e Benfica empataram. O jogo foi disputado, algumas vezes com qualidade, outras nem tanto, já que foram muitos os passes extraviados, sobretudo na primeira parte. O preverso da partida passou por vermos um Sporting a tentar jogar cínico por se encontrar a ganhar desde muito cedo, e o Benfica a assumir o jogo, algo que não está no ADN da equipa, sobretudo quando fora de casa. Posto existir uma diferença real entre oportunidade de golo e de remate, fica para a história que Dost falhou a única grande possibiidade que se presenciou em todo o jogo, o que não abona nada em favor do avançado, como é óbvio. No cômputo final, o Benfica foi superior, dominou o jogo, sem querer dizer que o controlou, pois tal não existe em futebol, e esteve sempre mais perto da vitória, arbitragem à parte.

 

FC-Porto-5-600x400.jpg

 

O Porto voltou a mostrar falta de estofo para ser campeão. O treinador equivoca-se; a equipa falha nos momentos capitais. Ficamos sem saber a quem cabem as maiores culpas. Contudo, seria imperdoável não conceder ao Feirense o mérito do ocorrido ontem no Dragão. Nenhum dos grandes se lhe iguala em intensidade do futebol jogado ou na pressão sobre os adversários.  E tudo isto executado por banalíssimos, porém bem liderados, jogadores. A excepção é Etebo, de quem já falei em post anterior, futebolista de elevado potencial.

 

OS ASSIM-ASSIM

 

1024.jpgthumbnail_1492973386.jpg

 

O Guimarães distanciou-se do Braga, muito provavelmente de forma irrecuperável para os arcebispos. 

 

OS PEQUENOS

 

1024-3.jpg1024.jpg

 

O Estoril ganhou, apanhou o Arouca, e poderá ter certificado a presença na primeira-divisão, ainda que sujeito ao que o Tondela, sobretudo este, vier a fazer nas jornadas que faltam. O Nacional averbou derrotas consecutivas com os dois parceiros de infortúnio, e parece-me definitivamente relegado para o escalão abaixo. Vamos aguardar para ver o que o Moreirense fará no jogo contra o Chaves.

 

AS CONSEQUÊNCIAS DA JORNADA

É de crer que o Benfica tenha o pássaro na mão, e que dificilmente o deixará voar. Não sendo o seu futebol assombroso, é a melhor e mais consistente equipa do campeonato português. Se conquistar o tetra, ninguém  poderá pôr em causa a justeza do título. 

 

OS JOGADORES

 

tarantini.jpg

Tarantini

Completou, na sexta-feira, 300 jogos com a camisola do Rio Ave. Marcou o terceiro golo numa jogada que lhe é comum, isto é, aparecendo de trás, desmarcado, dentro da área. Sentiu-se-lhe na  face a alegria, logo partilhada pela equipa técnica e companheiros. Saíria cerca dos oitenta minutos, para a ovação mais do que merecida.

Não sei se alguma vez teve oportunidades de sair para mais altos voos, contudo, lembro-me dum enorme número de jogadores que chegaram aos "grandes", cujo valor era claramente inferior ao deste médio vilacondense. Está a terminar a carreira. Deixar-nos-á saudades pela inteligência (pudera... possui um curso superior) e finura do seu jogo.

 

image.jpg

Ederson

O guarda-redes benfiquista tremeu num jogo em que nada o fazia esperar. Ficou afectado com o lance do golo, e passou o resto do jogo a colocar bolas fora. Pediu desculpas no final. Ninguém, em seu perfeito juízo, lhas pediria... é que são tão importante as grandes defesas, quanto os erros, sobretudo quando se aprende com eles. Se nada de errado lhes acontecer na carreira, Ederson, a par de Oblak  e Courtois, farão parte do limitado grupo dos melhores guarda-redes do mundo no futuro próximo.

 

img_770x433$2017_04_20_21_47_38_1253973.jpg

Rúben Alves
O avançado do Braga B, tenros 22 anos, foi castigado com uma partida de suspensão por ter sido expulso com vermelho direto, aos 85 minutos, e suspenso por mais três jogos por ameaçar o árbitro Bruno Vieira. «Lá fora parto-te todo, filho da p…», disse.
Ou este jovem apende a estar no futebol ou nem na sociedade poderá reclamar um lugar.
 

brahimi10.jpg

Brahimi
«Sempre fui muito correto com os árbitros. Não percebi o que se passou... Ele mostrou-me o vermelho e pronto… Agora há que ter paciência".
Crês, tu, que ninguém viu a cabeçada no adversário? E quanto às injúrias ao quarto árbitro passadas em directo na televisão? É que nem após o aviso de que te estavas a exceder, entendeste ser motivo para parar.
Achas que somos todos parvos, Brahimi?
 

vana-alves-feirense-porto-primeira-liga-2016-2017-

Vaná Alves
O guarda-redes do Feirense foi o melhor em campo no jogo contra o Porto. Curiosamente, a par da elasticidade e rapidez de reflexos, demonstrou enormes debilidades técnicas na arte de defender, provavelmente produto da falta de escola.
 

img_770x433$2017_04_23_02_03_49_1255062.jpg

Victor Lindelof

Apesar do "iluminado" ter afirmado que nada o surpreenderia no Benfica, a verdade é que Lindelof nos espantou a todos com a qualidade da execução daquele livre. Estranhei que se tivesse aproximado de Grimaldo numa outra ocasião, ao findar da primeira parte. À segunda, foi de vez: Patrício ajoelhou, perplexo.
 
 

OS TREINADORES

 

d779e52a514d941446d67aedf0a43176_N.jpg

 

Nuno Espírito Santo

"A culpa é da arbitragem", disse.

O Cónego continua a prometer os "amanhãs em que o Sol brilhará para todos nós". Quanto tempo vai demorar a perceber que, muito provavelmente, só se sentará na cadeira de sonho por mais quatro jornadas? 

 

transferir.jpg

 

Jorge Jesus

O homem baralha-se todo na análise que faz dos jogos: quando domina e não ganha é porque o adversário fez anti-jogo ou não saiu da sua defesa; quando é dominado, é porque isso não tem importância alguma, e o que vale são as oportunidades que só ele viu... e os penaltis que, desta feita, não viu. No final, a conclusão é óbvia: ele é o maior, e, sem si, o Sol andaria à volta da Terra. 

Quando é que Bruno Carvalho toma juízo, e manda esta peça para um qualquer Felgueiras?... Peço desculpa: é que parece que o Barcelona está à procura de treinador...

 

transferir (1).jpg

 

Rui Vitória

Como é seu hábito, esteve bem na conferência pós-jogo. Viu o que todos vimos, e até foi elegante ao não assacar culpas pelo empate a quem as merecia. Confesso que sou mais fan do homem do que do treinador, o que não quer dizer que não lhe deseje toda a sorte do mundo na sua vida profissional.
Ao contrário do que se insinuou e quis deduzir das palavras que a seu tempo entendeu produzir, não cumprimentou o treinador opositor, salientando mesmo a diferença de urbanidade, quando comparado com o relacionamento que tem com Nuno Espírito Santo: "Cumprimentar uma pessoa não é uma questão de circustâncias, é uma questão de valores».
 
Fez bem: princípios são princípios, e um imbecil não passa dum imbele.
 
 
A ARBITRAGEM
 

unnamed.jpg

 
Artur Soares Dias
Gostaria de não voltar a abrir este tipo de janela. Ainda assim, vou ser suave na crítica: um bom árbitro numa noite particularmente infeliz. Acontece aos melhores.
 
 

OS DIRIGENTES

 

unnamed (4).jpg

 

Luís Gonçalves

O diretor geral da SAD do FC Porto foi suspenso por 30 dias e multado em 1913 euros por "injurias e ofensas à reputação da equipa de arbitragem", após o encontro com o SC Braga, no último sábado. No túnel de acesso aos balneários dirigiu-se ao 4.º árbitro exaltado e a gritar: "Nós sabíamos o que vinhas aqui fazer. Vamos conversar mais tarde; a tua carreira vai ser curta`", lê-se no mapa de castigos divulgado na passada terça-feira pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol.
 

unnamed (5).jpg

 
Também Rui Lowden, team manager dos dragões, foi suspenso por dois dias e multado em 383 euros por "atitude incorreta para com a equipa de arbitragem". "Aquando do conflito junto do banco de suplentes do FC Porto, dirigiu-se para o árbitro com intuitos agressivos, não tendo chegado mais próximo, por ter sido agarrado por outros elementos do banco".

Duas "prendas" oferecidas ao futebol português, ambas made in Futebol Clube do Porto. 
 

unnamed (3).jpgunnamed (1).jpg

 
Luís Filipe Vieira e Bruno de Carvalho
Envolveram-se numa quezília que versava uma carta, um e-mail mendigado, um convite envenenado, uma comparação com Vale e Azevedo, pó, um assassinato e uma acusação de cobardia. Pinto da Costa veio a correr deitar achas para a fogueira.
  
 
COMENTADORES
 

unnamed (6).jpg

 
Confesso que já me cansa falar de Manuel Fernandes. A semana passada começou com a pérola acerca da condição física de Jonas, e acabou a diagnosticar o Benfica como "equipa pequena e defensiva". Tiros no pé.
O homem possui um Q.I. anormalmente baixo (João Alves vê-se obrigado, sucessivas vezes, a questionar: -- Percebeste, Manel?) e empenha-se estupidamente em destruir a imagem da carreira que, certamente com sacrifício, lhe terá custado a erguer.
 
Por que no te callas?
 
 
COMUNICAÇÃO CLUBÍSTICA
 

unnamed (2).jpg

 
A revista Dragões Diário online veio, bem asinha, logo após mais um empate embaraçante do F.C. do Porto, atribuir a suposta e por si assim definida, falta de verdade do campeonato à "Liga Salazar". Mau perder possuem. Não sei se alguém dentre a redacção do pasquim viveu os tempos do campónio-ditador de má memória para Portugal. Certamente, não!, pois, se assim fosse, saberia ou recordaria a inauguração, por singular coincidência, a 28 de Maio (Gomes da Costa e o início da ditadura dir-vos-ão algo?) de 1952, do Estádio das Antas, ante Craveiro Lopes, com Salazar como Presidente do Conselho. E já agora, sabem quem foram Urgel Horta, Augusto Pires de Lima ou Ângelo César? Por contrapartida, saberão quem foram Félix Bermudes, Júlio Ribeiro da Costa ou Manuel da Conceição Afonso? E em que grande clube se votou sempre com inteira liberdade para eleição dos órgãos sociais durante o tempo do fascismo?
Os exemplos acima não abrangem todo o universo portista ou benfiquista, que constituído por muitas e diversas gentes foi, e, nem todas, recomendáveis. É só para lembrar que não se deve brincar com coisas sérias.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub